Mostrar 786 resultados

Descrição arquivística
Contas das despezas com as cazas adjudicadas
PT ICPRT IC/A/0080 · Documento composto · [1828-00-00] a [1862-00-00]
Parte de Irmandade dos Clérigos do Porto

Documentação diversa relativa a casas adjudicadas à Irmandade.
Contas, mapas e róis de despesas (ex.: obras, décima) das casas, com indicação da localização (ex.: Corpo da Guarda, Rua Chã, Rua das Congostas, Travessa da Princesa, Rua de Cimo de Vila, Rua do Cativo, Rua das Flores) e do nome do proprietário a quem é executada a propriedade.
Recibos de pagamentos de despesas, nomeadamente da décima (com alguns formulários impressos), com pensões das casas. Contractos e pagamentos de prémio de Apólices de Seguro da Companhia Bonança (impressos) de casas contra risco de fogo, entre outros documentos relativos aos mesmos seguros.
Inclui ainda: «Rellação dos trastes que aparecerão na salla da caza do Corpo da Guarda de hum cazeiro Jozé Pereira e Mulher Florinda que fugirão»; quadro com indicação de encargos/ónus instituídos por legados (contém, por exemplo: nome dos instituidores, datas, valor do fundo primitivo do legado, descrição do encargo e sua importância em dinheiro, informações do fundo actual); «Rellação do estado em que se achão as seguintes Dependencias no princípio de Julho de 1841»; pagamentos de Missas; entre outros documentos.

Mesa da Irmandade dos Clérigos do Porto
[Mapa de demandas da Irmandade dos Clérigos]
PT ICPRT IC/A/0087 · Documento composto · 1835-00-00 a 1855-06-01
Parte de Irmandade dos Clérigos do Porto

Documentação diversa, respeitante a demandas da Irmandade com devedores, de acordo com o que é registado no fólio 1: «Mapa das demandas e do seu andamento sendo Procurador Agente Manoel Ferreira da Cunha, morador em Santa Catharina nº 175 do lado da Igreja das Almas, o qual he obrigado a apresentar neste cartório o seu andamento e he justo, segundo a sua agurcia no andamento das mesmas. Está obrigado mensalmente no principio de cada mêz a apresentar_a situação e estado dellas elleito em Meza_em 22 de Dezembro 1835».
Os registos das demandas contêm geralmente os seguintes dados: nome do devedor; morada; nome do escrivão onde foram realizadas as escrituras, execuções e demandas; descrição do teor dos pleitos; identificação dos fiadores com respectivas moradas; assim como informações diversas relativas aos processos. Na descrição das demandas existem várias remissões para diferentes datas.
Alguns fólios encontram-se com um risco por cima da informação registada assim como algumas entradas do índice (que se encontra a fls. 91 e 92).
Este livro contém documentação avulsa relativa às demandas, como por exemplo: documentos relacionados com a dívida de Joaquim Rodrigues da Costa (conhecido como «O Sôlha»), cujo processo de demanda se encontra registado a fl. 11 do livro; proposta de gestão da dívida de D. Teresa Henriqueta Osório; relação das pendências da Irmandade no de 1855, entre outros.
Termo de abertura no fl. 1 e termo de encerramento no fl. 93v.

Mesa da Irmandade dos Clérigos do Porto
[Casas adjudicadas desde 1863 a 1869]
PT ICPRT IC/A/037/0001 · Documento simples · 1863-09-00 a 1869-04-00
Parte de Irmandade dos Clérigos do Porto

Registo da receita, seguido do registo da despesa com as casas adjudicadas. Os registos de parte dos fólios encontram-se riscados.
Sem termos de abertura e de encerramento.

Casas adjudicadas desde 1863 a 1871
PT ICPRT IC/A/037/0002 · Documento simples · 1863-09-00 a 1871-00-00
Parte de Irmandade dos Clérigos do Porto

Registo da receita e da despesa com as casas adjudicadas dividido entre «Deve» e «Haver». Com Balanço geral da Receita e Despesa das Casas adjudicadas à Irmandade no final de cada ano económico (de Setembro a Agosto).
Com termo de abertura no fl. [1] e termo de encerramento no fl. 147v.

[Guias 1887 a 1888]
PT ICPRT IC/A/038/0004 · Documento simples · 1887-08-08 a 1888-06-30
Parte de Irmandade dos Clérigos do Porto

O modelo das guias altera-se nesta unidade, mas o carácter das informações permanece essencialmente o mesmo.